Muitos Freelancers possuem muita dificuldade em precificar projetos e montar propostas. Além disso, o tempo para montar uma boa proposta sempre acaba tirando muito tempo que poderia estar sendo aproveitado nos projetos. Aprenda a melhor maneira de fazer propostas no texto a seguir.

Ser freelancer é lidar com muitas responsabilidades ao mesmo tempo: prospectar clientes, fazer projetos, precificar, criar propostas, gerenciar entregas e pagamentos. Por isso, vamos dar algumas dicas de como é possível otimizar o seu tempo fazendo propostas de forma mais fácil e rápida.

  1. Organize suas pastas
    Essa é uma dica que vale para tudo, inclusive para o momento de criar propostas. Tenha sempre as pastas no seu computador organizadas. Separe por clientes, propostas, contratos e orçamentos. Desta maneira, quando precisar encontrar um determinado documento, você irá perder menos tempo, pois já sabe onde fica cada coisa.
  2. Tenha um modelo preparado
    Tenha sempre um modelo de propostas pronto. Assim, quando um cliente tiver uma demanda urgente, você consegue seguir o modelo existente e entregar com agilidade sem dar espaço para concorrentes.

    Você pode utilizar templates prontos, mas o ideal é criar o seu próprio modelo seguindo a identidade visual da sua marca pessoal.
  3. Tenha sempre em mente qual a sua hora de trabalho
    Para fazer uma proposta é preciso saber qual o valor médio de seus projetos. Sabemos que valores podem variar de acordo com o cliente, tamanho do projeto, região do país e até mesmo a relevância do que será criado. Porém, é preciso ter uma média dos principais serviços que você oferece, bem como o valor da sua hora. Assim, a conta fica muito mais fácil de ser feita.

    Se você não sabe como precificar o seu serviço, veja esse texto que fizemos para te ajudar com isso. Nele listamos várias dicas para chegar a um valor justo sem sofrer no final do mês.
    Quando chegar uma solicitação de proposta, você até pode tirar um tempo para reavaliar o projeto, mas já saberá com maior rapidez como responder o seu cliente.
  4. Utilize uma ferramenta que automatize seus processos
    A Lunna, é a nossa ferramenta e sempre estamos comentando sobre ela por aqui, mas não é à toa. Recentemente ela foi lançada e apesar de ainda estar em teste e desenvolvimento de nova funcionalidades, você já pode contar com a criação e gerenciamento de propostas. Através desta opção, você cria proposta dentro da própria plataforma, envia para o seu cliente e consegue visualizar o status delas.
Criação de Propostas na Lunna

Para criar é muito fácil, basta preencher o nome da proposta, colocar descrições, vincular um cliente, e especificar mais detalhes do projeto. A plataforma gera para você um cálculo automático de todos os itens que estarão inclusos no projeto. Depois, basta compartilhar com o cliente e esperar o retorno.

Todas as propostas ficam salvas no sistema, possibilitando que você gerencie elas posteriormente e saiba quanto faturou no mês através das propostas aceitas. Sem dor de cabeça de ficar buscando o melhor modelo de proposta através do Google Drive e exportando toda vez que um cliente precisa de algo novo.

Visualização das propostas por status

Os status das propostas são divididas por cores, o que ajuda na identificação rápida do freelancer em relação a aprovação ou não das propostas enviadas. Podendo dar continuidade ao projeto de forma mais rápida.

Além disso, através da Lunna o cliente tem a possibilidade de acompanhar o andamento do projeto, com notificações que o próprio freelancer envia através da plataforma para o WhatsApp ou e-mail do cliente.

Isto é, não é apenas um criador de propostas, mas toda uma maneira de gerenciar as suas propostas, bem como os seus clientes.

Então, conta pra gente: como você faz para gerenciar as suas propostas? Já testou a Lunna?